Imóveis na Planta em São PauloImóveis na Planta – Imóveis em toda a Grande São Paulo

Documentos para compra de imóvel pronto

Documentação necessária para compra de imóvel pronto

 

Confira abaixo os documentos necessários que são fundamentais para a compra de um imóvel pronto:

– Certidão da matrícula do imóvel – ela é uma espécie de identidade. Diz quem foram os donos, a metragem e o número do IPTU. É tirada no Cartório de Registro de Imóveis;

– Certidões cíveis do proprietário – para saber se há algum processo contra o proprietário que prejudique o negócio. São retiradas no Fórum Central;

– Certidões Trabalhistas do proprietário (se ele for empresário), na Vara do Trabalho. Em caso de processos trabalhistas, o seu apartamento pode ser usado como pagamento;

– Certidão de executivos fiscais, retiradas Fórum Central. Para verificar se há algum processo da prefeitura contra o imóvel, por motivos como falta de pagamento de IPTU;

– Certidão de protesto, no cartório de protesto – para saber se o ex-proprietário foi protestado e se pode haver alguma ação de execução no futuro;

– Se o proprietário morar em outra cidade, tire as certidões no lugar onde ele mora e onde está o imóvel;

– Certidões da Justiça Federal, para garantir que não há nenhuma dívida de imposto de renda. Você pode checar isso no site da Justiça Federal (http://www.jf.jus.br/cjf);

– Certidão de casamento atualizada do proprietário ou declaração de união estável (em caso de uma separação posterior, você pode perder o imóvel para a parte que requerer patrimônio, em caso de uma separação);

Do condomínio

– Pedir certidão de inexistência de débitos condominiais, para saber se a unidade tem dívida de condomínio. Ela pode ser pedida para o síndico, deve vir com firma reconhecida e constar a ata que elegeu o síndico;

– CNPJ do condomínio para saber se há muita dívida de ações trabalhistas ou qualquer outra, o que pode aumentar as suas despesas futuramente.

Atenção:

Todas as certidões têm validade de 30 dias. Portanto, se sua negociação durar 90 dias, convém tirar todas novamente antes de assinar o contrato.